O PREAMAR do Programa de Fotopoéticas propõe uma imersão criativa e aborda aspectos teóricos, técnicos, éticos e poéticos da fotografia contemporânea em conexão com outras linguagens. Com ênfase na dimensão autoral, aprofunda os processos originados durante o Percurso de Fotografia Básica Digital da Escola Porto Iracema das Artes e possibilita a criação da mostra Pequenas invenções para existir no mar. Em 2019, a Escola teve como eixo transversal de suas atividades o tema “Poéticas da existência“. Com 90h de duração, as atividades ocorrem de setembro a dezembro, com encontros divididos nos seguintes módulos:

Corpos e intimidades | Louise Felix
Fotografia e territórios da memória | Felipe Camilo
A construção do retrato fotográfico | Igor de Melo
Curadoria e expografia | Waléria Américo

Sobre o PREAMAR

O programa tem como objetivo criar condições de intensas experiências estéticas, com vistas a aprofundar os estudos desenvolvidos no Programa de Formação Básica da Escola: Artes Cênicas, Artes Visuais, Audiovisual e Fotopoéticas. A proposta é compor equipes de alunos que passaram pelo Porto para se engajarem em projetos de criação de vídeos de ficção e documentários, montagens de peças, ensaios, exposições e outras práticas, sob a tutoria de profissionais de carreira consolidada.
Como o nome do programa sugere, a ideia é elevar ao nível máximo as possibilidades de formação, criando uma turbulência potente e criativa, assim como as marés cheias do mar aberto, a PREAMAR referida no título do programa.

(Fotografia do ensaio “Devaneio”, de Sidnei Maia)